Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Isso é lá deles...

Isso é lá deles...

Sobre este assunto, a opinião que partilho convosco é minha e apenas me compromete a mim.

1. Este processo, para além de não ter nem pés nem cabeça, é um regresso ao passado. Por trás deste manto de modernidade há uma clara intenção de manietar o jornal, usando-o como arma de arremesso político e de condicionamento da opinião pública. Aliás, basta ter um pouco de memória para lembrar o que era o DA antes da chegada do Paulo. A generalidade dos políticos não gosta do que não consegue controlar. Regressou, às claras, a vontade de controlar.

2. Ao longo destes anos, o DA granjeou prestígio, prémios e, acima de tudo, respeito por parte dos seus leitores e dos seus pares. Esta mudança, em véspera de dois atos eleitorais, é uma irresponsabilidade social e cívica: numa região em que a imprensa, nomeadamente a escrita, vive uma época de enormes dificuldades, fazer isto a um órgão com esta qualidade, e com a falta de massa crítica que impera no Baixo Alentejo, é, além de perigoso, incorrecto.

3. Caro Paulo, espero que encontres um refúgio profissional que te valorize e em que possas explanar todo o teu talento. Lamento que
esta região não te dê o reconhecimento que mereces. Um grande abraço e obrigado. Do fundo do coração, muito obrigado!